16 de Março Dia de conscientização sobre as Mudanças Climáticas

Dia Nacional de conscientização sobre as Mudanças Climáticas, você já ouviu falar?

Diversos são os fatores que influenciam em nossa vivência cotidiana, alguns deles são fatores naturais, relacionados ao meio ambiente, por exemplo, o clima. Você já parou pra pensar o quão importante é o clima na nossa vida?

Podemos considerar o clima uma das variáveis ambientais que mais afeta nossa forma de viver e organizar atividades. É com base nas variações climáticas que a agricultura, o gerenciamentos dos reservatórios de água e abastecimento das cidades, geração de energia e muito mais. Até mesmo a nossa permanência em determinadas regiões só se torna confortável ou saudável se o clima for ameno.

Destacar a importância de compreender e frear as mudanças climáticas é, portanto, fundamental para sociedade como todo. Devendo todos se comprometerem no traçar de estratégias eficazes que impactem desde o cidadão em suas praticas cotidianas e, especialmente, as empresas ao repensarem suas práticas e formas de se relacionar com o ambiente consequentemente impactando positivamente para que as mudanças climáticas sejam amenizadas.

Pensando nessas questões é que o dia 16 de março foi designado como Dia Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas. Essa data tem como principal mote chamar a atenção da população para essa questão e também para a necessidade de ações que reduzam o impacto dessas mudanças sobre a Terra.

As mudanças climáticas estão diretamente relacionadas ao aumento da emissão de gases de efeito estufa (GEEs), essa é tida como a principal causa do aquecimento global e das mudanças no clima. Esse e outros agentes capazes de modificar o clima são desencadeados pela ação humana, que a cada dia se intensifica mais, segundo Estudos do IPCC (Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas da ONU), apresentados ainda em 2013, Outros agentes danosos ao clima são desmatamento, degradação ambiental e consequente perda da biodiversidade.

Como consequência disso já podemos ver nos últimos anos elevação do nível do mar, derretimento de geleiras, intensificação dos períodos chuvosos e de secas. Os cientistas do IPCC relatam que a temperatura média da terra tem aumentado cerca de 0,8 graus e ressaltam que ela deve aumentar até 1,5 graus, se ações de combate às emissões não forem relevantes.

Como colaborar?

Muito tem se pensado para executar ações que realmente contribuam para redução dos gases do efeito estufa, algumas das formas para isso são ampliação do uso de energias renováveis, melhoria na eficiência energética, nos transportes principalmente em grandes centros urbanos, além de reduzir o desmatamento.

A sociedade em geral pode contribuir para redução do aquecimento global e para um melhor enfrentamento das mudanças climáticas, utilizando recursos naturais com responsabilidade; fazer melhores escolhas ao consumir bens, produtos e serviços. O mesmo vale para as pequenas, médias e grandes empresas. Adequando suas práticas, seguindo os protocolos ambientais e muito mais que isso, indo além, superando as expectativas, com programas de educação ambiental, revisão de procedimentos e instaurando uma cultura de sustentabilidade que transcenda as paredes das empresas e fábricas.